Padre Fábio de Melo envergonha católicos


Fonte: Fidei Depositium

padre fábio de meloSe o padre Fábio de Melo se limitasse a cantar, teríamos dos males o menor. Infelizmente, com o passar dos dias, o que acontece é que ficamos cada vez mais horrorizados e até mesmo surpreendidos ao extremo ao ouvir as loucuras teológicas que o cantor bem asseado dispara com a sua voz mansa e aveludada nos meios de comunicação.

Rondam o absurdo algumas de suas declarações. No programa do Jô Soares que foi ao ar no dia 21 de maio de 2009, aos 10:45 minutos, o cantor teve a ousadia de afirmar que teve experiências sexuais antes de se tornar padre e, pior, chamou a isso de «amar completamente» e que «pra gente ser padre, é preciso ter amado na vida». Declara ainda que «é impossível fazer a opção de ser padre e viver o celibato sem ter amado alguém». O assunto dizia respeito às suas muitas experiências sexuais escondidas e, claramente, o padre entende isso como «experiências de ter amado alguém» Como se não bastasse ele completa, explicando que é preciso ter vivido a experiência (neste caso, o pecado contra a castidade!) para poder falar a respeito. Segundo o padre, ele não pode ser um «homem teórico», pois ele precisa falar de coisas que «ele experimentou na carne».

Segundo a novidade teológica do cantor, então, Jesus Cristo nunca poderia ter falado sobre sexo? E o que dizer dos tantos santos que entraram para o seminário com 12 ou 13 anos e nunca haviam experimentado qualquer relação sexual? Pela lógica do Fábio de Melo, certamente nenhum deles, nem Cristo nem os seus santos virgens, poderiam falar com prioridade a respeito da sexualidade humana? Sentiríamos extrema pena, por exemplo, da Santíssima Virgem Maria! E que dizer de todas as mulheres que consagraram sua virgindade a Jesus? Seria então impossível que algumas delas tivessem seguido sua vocação ao celibato sem ter antes «experimentado na carne» o pecado contra a castidade? Sem isso elas seriam apenas virgens teóricas e não poderiam falar com verdade a respeito da sexualidade humana?

Na verdade, o padre Fábio de Melo fez apologia do sexo pré-matrimonial em rede nacional e ainda se vangloriou de suas experiências nesse campo, chegando mesmo a declarar que «nunca foi muito devasso»! O que se pode depreender dessa firmação? Que ele era pouco devasso, medianamente devasso, quase nada devasso ou quê?

Depois disso, Jô Soares propõe um exemplo, caso o padre fosse fazer um filme, utilizando para caracterizá-lo a frase «sedutor, no melhor sentido da palavra». Fábio de Melo completa a explicação: «Claro, sedução enquanto processo de envolvimento», como se, para um padre, ser sedutor, em qualquer um desses sentidos, fosse uma das coisas mais aceitáveis deste mundo.  Vemos ainda o padre muito espirituoso a brincar: «você vai dirigir o filme, então?», seguido dos aplausos e risos de público.

Em outro ponto da entrevista Jô Soares «lembra» ao padre de suas obrigações diárias como sacerdote, especialmente a obrigação de celebrar a Santa Missa diariamente. O padre confirma e reconhece que é mesmo uma obrigação e revela que, infelizmente, não a pode cumprir como deveria por causa das suas viagens. Traduzindo em português claro: por causa de sua vida de artista. Por mais que o padre afirmasse que propõe uma evangelização por meio da sua música, ainda assim, deveria colocar sua obrigação de sacerdócio, sua vocação, a serviço de Deus em primeiro lugar e não depois de sua vida artística e suas viagens. De nada serve e, ao contrário, pode mesmo ser motivo de escândalo buscar alcançar os fins (sucesso, seguidores, admiradores e até mesmo a evangelização) quando são esquecidos e negligenciados os meios justos, retos e mais valiosos. O padre parece ter esquecido que nada se deve antepor ao amor de Cristo[1].

Cabe aqui uma pergunta: porque o padre Fábio de Melo insiste tanto em envergonhar a nós, seus irmãos católicos? O que ele ganha com essas declarações? Será que vale mesmo a pena insultar a doutrina da Igreja de modo tão diabólico e descarado nos meios de comunicação, por conta de atrair mais fãs e inchar-se de vã glória?

Como vamos ensinar nas nossas aulas de catequese e em nossas evangelizações que se deve manter a castidade antes do casamento, quando um padre «famoso» faz afirmações dessas em rede nacional? O que diremos quando algum catecúmeno ou possível convertido jogar em nossa cara o exemplo e os conselhos desse padre?

Não precisamos de sujeitos engomadinhos, com ternos caros e sob medida, com voz mansa, sedutores e que disseminam erros doutrinários que são vergonhosos para um sacerdote. Dane-se a alta vendagem de discos e o sucesso, pois disso o mundo está cheio!

Que Deus nos ajude, enviando padres fiéis à Santa Doutrina da Igreja! Padres que queiram ser apenas padres e que saibam o quanto isso é imenso.

José Roldão


[1] SÃO BENTO, Regra de São Bento, Cap. 4,21. 
About these ads

14 Respostas to “Padre Fábio de Melo envergonha católicos”

  1. Flávio Leôncio Says:

    Concordo com seu comentário, ele levanta alguns temas em que o Padre Fábio deveria se preocupar, por exemplo ao aparecer para uma platéia como a de Jô Soares, falar o que se deve falar e não o que eles querem ouvir, pois Jesus evangelizava independente de quem fosse o seu público, as vezes nos omitimos por medo de não receber elogios ou aplausos e essa omissão faz com que as pessoas que estão a nossa volta se percam, ele que tem o dom da palavra, se expressa muito bem, deveria sim transmitir o valor da castidade e falar para aquelas pessoas que o único perigo de se aproximar de Jesus é se apaixonar por ele, que bela oportunidade o Padre perdeu. Essa imprensa que hoje lhe exalta é a mesma que fará um sensacionalismo enorme quando ele falhar, e as vezes esquecemos que cometemos falhas, pois somos humanos. Vamos pedir a Deus em orações para que esse Sacerdote aproveite oportunidades como essas para evangelizar e falar de Jesus sem medo de vaias, andar com Jesus no peito é fácil difícil é ter peito pra andar com Jesus.

  2. Andrea Says:

    Não concordo em absoluto com nada disso, acho uma hipocrisia quando os padres se colocam praticamente na posição de santos, ao contrário do Padre Fábio, que se mostra honesto e sincero, e mostra a realidade, um estudioso sim, mas um ser humano que comete erros como todo mundo, isso sim é ser verdadeiro, estou cheia da igreja católica

    Olhar Católico
    A seguidora do Fábio de Melo diz:
    “estou cheia da igreja católica”. Entendí então por que no site dele não tem “padre” Fábio de Melo, por que tanto faz zer católico (como ele mesmo já disse). Para uma Sacerdote da Igreja Católica que ensina que tanto faz ser católico ou protestante, etc, suas fieis, quer dizer fãs, só podem afirmar mesmo que “estou cheia da igreja católica”.

  3. Ana Paula Says:

    Será que vc não cansa de malhar o Pe FAbio de Melo, tá na hora de vcs olharem para o proprio umbigo.

    Olhar Católico:
    Por favor, assista a entrevista, depois leia o post (que não é de minha autoria, cito a fonte no prórpio post) aí depois de tudo isto vocês comentam, combinado?
    Vejam vocês mesmos se ele defendeu a real Doutrina da Igreja ou se se esquivou, reparem ainda se ele citou algum filósofo herege, pesquisem, analisem, aí sim, depois de tudo isto, comentem… Não dá mais pra responder tanto comentário sem argumentos!
    Que Deus nos abençoe e Maria nos guarde
    !

  4. Vladimir Bonoto Nascimento Says:

    eu não sei do que estão falando quando criticam o pe fábio pq só vejo nele um exemplo a seguir e um evangelizador ferrenho.Pergunto:O QUE QUEM CRITICA ELE QUERIA QUE ELE FIZESSE?MESMO QUE SO RECEBE TIRO SOLDADO QUE ESTA NA FRENTE DE BATALHA.A TODOS OPS QUE CRITICAM ELE,OLHEM PARA SEUS UMBIGOS.


    Olhar Católico:

    Vladimir, vamos combinar o seguinte: assite a entrevista primeiro, depois comenta, OK? Aí depois que você assistir me diz se ele defendeu ou não a Igreja, se ele citou algum filósofo e o nome deste filósofo, combinado?
    Por que assim não tem como debater! Ou vocês agem com a razão ou deixem que o sentimentos falem mais alto e ignorem o post e continuem na ignorância (o que eu não aconselho que o façam). Depois que assistir ai sim leiam o post, que não é de minha autoria (cito a fonte no próprio post) e comentem. OK?
    Que Deus nos abençoe e Maria jos guarde!

  5. Angélica Says:

    Caros amigos e defensores daquele que se diz “Padre.”

    Pelo visto este rapaz não irá mesmo mudar a sua postura com relação ao
    Seu sacerdócio.
    Como já comentei em vários Blogs, gosto de ler, e por dia leio em média dois a três
    Jornais.
    Hoje 18.06 esta noticiado na coluna do Bruno Astuto,Não posso deixar de informar que este é um colunista social do Jornal o Dia, bem conhecido e respeitado da mídia., e acredito eu que a grande maioria deve estar ciente que neste momento acontece a SPFW, com direito a foto a seguinte Notícia:
    O momento sensação ontem, primeiro dia de desfiles após um desfile de uma grande marca masculina, foi o passeio de Bethy Largadére (ninguém tem obrigação de saber mas é uma grande estilista francesa) mas isso não vem ao caso.
    Ela desfilou sua coleção de alta costura de três décadas, no 3º pavilhão da Bienal.
    Após isso como sempre segue um coktail,o jornalista ressaltou que nas bandejas havia
    Canapés franceses, mas a Bethy idolatra os pães de queijo, os salõs foram transformados em salões boudoir francês,no elenco viam-se pesos-pesados da moda como Tufi Duek, Natalie Klein e outros,
    Mais ninguém se destacou mais que o “Padre” Fabio de Melo, que se hospeda numa suíte do chiquérrimo hotel Emiliano.Amém.
    A noticia esta no jornal de hoje para quem quiser constatar, o que não tolero mais é a enxurrada de criticas, para quem mostra os defeitos desta criatura, então antes de fazer isso, porquê não cobram a ele, uma real postura de sacerdote vcs desejam missa com o astro? Lamento no momento ele esta impossibilitado, participando do mundo Fashion, coisa que não tem o menor Glamour não é mesmo?
    Portanto senhores defensores de uma causa que já considero perdida para vcs, ele nos dá munição, ele sabe o grande nº de criticas que esta sendo feito a ele.
    Enquanto ele deveria ponderar, meditar sobre os seus atos, esta assistindo e participando de coktails no SPFW.
    E se hospedando num dos hotéis mais caros de SP,as defensoras com certeza dirão que temos inveja, mas fiquem tranquilas eu não preciso sentir isso, sinto sim um grande alívio, pois o meu dinheiro, não esta custeando, onde já se viu dar duro, correr atrás, para custear vaidades do padre, grandes obras, grandes ternos, relógios e etc…
    A pergunta que não quer calar, usou ou não usa o título de sacerdote para outros fins, que não servir a igreja e a Cristo?
    Parem de se enganar, e aceitem a verdade que esta diante dos olho de vcs.
    Ele já consegiu tudo que desejava, a VAIDADE já o dominou por completo.

  6. Níria Says:

    Só gostaria de deixar uma reflexão.Na Biblia Sagrada não esta escrito a roupa certa de se ministrar a palavra de Deus [Olhar Católico: leia então Ex28, 4. Ou ainda o Canon 284: "Os clérigos usem hábito eclesiástico conveniente, de acordo com as normas dadas pela Conferência dos Bispos e com os legítimos costumes locais.". O Fábio nunca ensinou isso? Será que ele não sabe?] .O pe. Fábio, por ser um homem temente a Deus, não mentiu em responder uma pergunta que foi feita sobre ele.Não fez apologia ao sexo antes do casamento.Outra coisa que é importante é que no final desse comentário o sr. José Roldão pede que Deus ajude a ter padres fiéis a “doutrina da igreja”, enquanto que deveria se pedir homens fiéis a palabra de DEUS e não em doutrinas humanas [Olhar Católico: Vê-se bem que você está no caminho certo da escolinha Fábio de Melo, mas no caminho errado da Ecola de Fé que é a Igreja, Mãe e Mestra. Desde quando a Santa Tradição são "doutrinas humanas"? Ele ensinou isso também? Não lhe mostrou este trecho do Catecismo da Igreja Católia? No parágrafo 80 ensina que Tradição e Escritura "estão entre si estreitamente unidas e comunicantes. Pois, promanando ambas da mesma fonte divina, formam de certo modo um só todo e tendem para o mesmo fim". A sua afirmação asemelha-se muito mesmo a heresia protestante da "Sola Scriptura". Afinal, a quem você segue: a Doutrina da Igreja de Cristo ou ao Sacerdote desta mesma Igreja que ensina coisas contrária a Ela?]

    [Olhar Católico: desculpe-me pela demora em moderar o comentário. É falta de tempo]

  7. Maria Says:

    O que as pessoas falam do pe. Fábio não é por inveja, é por falta de amor ao próximo.A Biblia diz que devido o aumento da maldade o amor de muitos esfriarão.É o que está acontecendo.As pessoas deixam de viver suas vidas e passam a viver as dos outros.Tem muita gente incomodada por ela não está seguindo as doutrinas como se vestir, da igreja, porém deveriam olhar se ele segue é a palavra de Deus.Deixem o Fábio de Melo

    [Olhar Católico]
    Basta assistir o filme pessoal! Vocês estão lendo só o título do post é? Leiam o post por inteiro e vejam que são acusações fundamentadas. Não dá pra ficar treplicando réplicas sem fundamento de um post fundamentado.

  8. Junior Brasileiro Says:

    Cara estou chocado com algumas coisa, mas vejo o empenho do Padre, apesar se muitas vezes ele vacilar como catolico renovado, mas devemos na verdade REZAR POR NOSSA IGREJA, Peço orações estamos juntos na missao
    abraços do POvo do MARANHAO
    JUNIOR BRASILEIRO

  9. Ana Says:

    Você tem pelo menos noção do que ta falando? [Olhar Católico: sim eu tenho, e você?]
    Olha sinceramente, eu sei que devemos respeitar a opiniao das pessoas mas por favor ne tenha santa paciencia…vê se pelo menos pensa antes de sair publicando besteira. [Olhar Católico: idem]O padre Fábio de Melo é uma pessoa iluminada e que a cada dia que passa ajuda ha muitas pessoas com suas palavras,falo isso por experiencia própria.[Olhar Católico: precisamos de Sacerdotes, não de filósofos, piscólogos, cantores, etc. Ou se é Sacerdote ou não é. Sim sim, não não, isto lhe parece familiar?] Então pensa bem antes de falar alguma coisa![Olhar Católico: Idem. Você leu o post ou só o título? Tá tudo explicadinho.] E que Deus ilumine a sua mente![Olhar Católico: Amém, a sua também!]

  10. Ana Says:

    Padre Fábio de Melo merece todo respeito do mundo.O mundo está precisando de pessoas como ele inteligentes,sábias e q usam os meios de comunicação pra evangelizar e levar a palavra de Deus a todo mundo, ao contrario do vemos hoje uma programação em sua maioria vaga,totalmente necessitada de coisas que nos façam crescer em todos os sentidos.Por isso defendo e aconselho que todos acompanhem o trabalho dele e vejam de perto a importancia das palavras que Deus nos envia atraves deste homem que é humano demais e filho do céu…assim como nós!

  11. Juliano Says:

    Me desculpem. Mas acho o Padre Fábio de Melo, sincero e gente boa. E canta bem, além de tudo.
    Nunca me imaginei freqüentando Igreja, no entanto, isto vem acontecendo depois que conheci o Padre Fábio.
    Hoje até já gosto de ir à missa e até me interessei em ler a Bíblia; enfim, pra mim pelo menos, ele foi importante.
    Obrigado, não poderia me omitir a respeito.

  12. Guilherme Pereira Says:

    http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cartas&subsecao=polemicas&artigo=20090703131525&lang=bra

  13. Suzi Says:

    Meu querido, só para começar, a única pessoa que pode julgar a quem quer que seja, é Deus [Olhar Católico: você julga que isto é certo? Se sim então não somente Deus, mas Deus e você é que podem julgar. Mas o que faço é apenas tentar seguir o ensinamento de São Paulo: "Examinai tudo: abraçai o que é bom" (1Ts5, 21). E com certeza experiências sexuais antes do casamento não é bom.] >>>portanto, vale ressaltar que Padre Fabio de Melo incomoda sim, como outros da Igreja Católica, que evangeliza com a musica, com shows, porque tem todo um potencial, o que muito incomoda é sua beleza física, que não quer dizer absolutamente nada, dentro daquilo que ele propõe, é um sacerdote, doce, ótimo filho, cristão e HUMANO DEMAIS PRÁ SE ENTENDER…… [Olhar Católico: quantos argumentos... e quanto ao que ele disse, algum argumento?]

  14. Maria de Deus Says:

    Quanta besteira neste blog que se diz ser católico.. não conhece a doutrina, nem os dogmas da igreja católica, preferem falar mal do Pe. Fábio de Melo, do que ir estudar o CIC(Catecismo da Igreja CAtólica), é preciso escrever pq com certeza não devem saber o que é CIC; que bom que Deus deu o dom de servir como padre ao padre Fábio, e que bom que ele evangeliz milhares de pessoas com suas músicas, qto a enrevista dele no programa do Jô Soares, prefrem que os padres sejam mentirosos? hipócritas? depois se dizem católicos ainda? Isso não é ser católico, ser católica é saber que nós somos humanos pecadores, que somente Deus é perfeito e mandou Seu próprio Filho para tirar o pecado do mundo, por tanto seu filho também é perfeito e Santo, e foi preciso se fazer carne, por isso habitou o seio materno de Maria, portanto pura também.

    Olhar Católico
    Algumas respostas do Catecismo da Igreja Católica, sobre o Celibato:

    “Todos os ministros ordenados da Igreja latina, com exceção dos diáconos permanentes, normalmente são escolhidos entre os homens fiéis que vivem como celibatários e querem guardar o celibato “por causa do Reino dos Céus” (Mt 19,12). Chamados a consagrar-se com indiviso coração ao Senhor e a “cuidar das coisas do Senhor”, entregam-se inteiramente a Deus e aos homens. O celibato é um sinal desta nova vida a serviço da qual o ministro da Igreja é consagrado; aceito com coração alegre, ele anuncia de modo radiante o Reino de Deus.” (CIC 1579).

    O que impulsionou o Fábio de Melo no seminário foi a piscina, segundo ele próprio. Cristo convocou a todos dizendo: “Se alguém quer vir após Mim, negue-se a si mesmo, tome sua cruz e siga-me”, o que vale sobretudo para um sacerdote. Mas, o Padre Fabio de Melo, para seguir o chamado de Jesus, não tomou a sua cruz. Pegou o seu calção, e parece que só visou afirmar-se e não o negar-se a si mesmo. Diz a Sagrada Escritura que “A veste do corpo, o riso dos dentes, e o andar do homem dão a conhecer o que ele é” (Eclesiástico, XIX 28). Com certeza as vestes do Padre Fábio de Melo (e de muitos, muitos, muitos, muitos outros mesmo, muitos padres) não condizem com o sacerdócio: “Os clérigos usem hábito eclesiástico conveniente” (Código de Direito Canônico, Cân. 284). “Usem os clérigos um traje eclesiástico digno e simples, de preferência o “clergyman” ou “batina”” (Código de Direito Canônico, página 118, linha 13).

    Ainda sobre o celibato, um padre afirmar em rede nacional e com tom de normalidade que perdeu a virgindade antes de entrar no seminário não é lá muito legal para o catolicismo, pra não dizer outras coisas! Por que em vez disso ele não pregou que:
    “A castidade há de distinguir as pessoas de acordo com seus diferentes estados de vida: umas na virgindade ou no celibato consagrado, maneira eminente de se dedicar mais facilmente a Deus com um coração indiviso; outras, da maneira como a lei moral determina, conforme forem casados ou celibatários.” As pessoas casadas são convidadas a viver a castidade conjugal; os outros praticam a castidade na continência:Existem três formas da virtude da castidade: a primeira, dos esposos; a segunda, da viuvez; a terceira, da virgindade. Nós não louvamos uma delas excluindo as outras. Nisso a disciplina da Igreja é rica” (CIC 2349).

    Resumindo tudo, por que o padre não pregou a Doutrina Católica, em vez de suas opiniões doutrinárias e de outro teólogo herege?


Os comentários estão desativados.

O Legado d'O Andarilho

opiniões, considerações políticas e religiosas.

Roberta Acopiara's Blog

Just another WordPress.com weblog

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

pregarevangelho

Só mais um site WordPress.com

:.:Paródias da Professora Décia:.:

Paródias de uma professora cedrense!

Fratres in Unum.com

Ecce quam bonum et quam jucundum habitare fratres in unum.

Compartilhar é preciso.

Sinta-se livre para conhecer, aprender e compartilhar

Blog do Madson

Tecnologia, Desenvolvimento web e muito mais...

§|Olhar Católico|§

Um Olhar Católico sobre o mundo!

Pacientes na tribulação

Tradição e ortodoxia católicas

Grupo S. Domingos de Gusmão

Fiéis Católicos de Maringá

Vida, dom de Deus

Gratiam tuam, quaesumus, Domine, mentibus nostri infunde; ut qui, angelo nuntiante, Christi Filii tui encarnationem cognovimus, per Passionem eius et Crucem, ad Resurrectionis gloriam perducamur. Per eumdem Christum Dominum nostrum. Amen.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.777 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: