Enciclopédia Canção Nova x Bíblia: com quem ficar?


 

Com quem ficar?

Com quem ficar? Eu fico com a Igreja!

Agora a Canção Nova despeja suas heresias protestante-modernistas através de uma “enciclopédia“.

Não foi preciso pesquisar muito para encontrar distorções neste mais novo instrumento eletrônico “evangélico”.

Na pesquisa que fiz bastou apenas procurar sobre a palavra “língua”. O que se encontra logo de cara é uma versão romantizada, pra não dizer algo pior, do Mistério de Pentecostes. Vejamos a seguir.

 

“O primeiro dom que se manifestou foi o de línguas. Em pentecostes, os discípulos, junto com Maria, ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a orar, a louvar, a cantar numa língua nova, a língua do Espírito. Alguns interpretaram o acontecimento e disseram: Eles louvam a Deus, estão cantando as glórias de Deus, e nós estamos entendendo com o coração. Outros estavam ali como curiosos, brincando, zombando, dizendo que os discípulos estavam bêbados. Pedro explicou: Não estamos bêbados; pelo contrário, está se cumprindo a profecia de Joel. O primeiro dom criou confusão.”

(retirado de: http://wiki.cancaonova.com/index.php/Dom_de_l%C3%ADnguas; on-line em 06/09/2009 as 10:20 hrs – os destaques em vermelho e negrito são meus).

Agora comparemos a “estoriazinha” contada pela enciclopédia com o verdadeiro acontecimento de Pentecostes retratado na Bíblia:

Chegando o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um ruído, como se soprasse um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam sentados. Apareceu-lhes então uma espécie de línguas de fogo que se repartiram e pousaram sobre cada um deles. Ficaram todos cheios do Espírito Santo e começaram a falar em línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem. Achavam-se então em Jerusalém judeus piedosos de todas as nações que há debaixo do céu. Ouvindo aquele ruído, reuniu-se muita gente e maravilhava-se de que cada um os ouvia falar na sua própria língua. Profundamente impressionados, manifestavam a sua admiração: Não são, porventura, galileus todos estes que falam? Como então todos nós os ouvimos falar, cada um em nossa própria língua materna? Partos, medos, elamitas; os que habitam a Macedônia, a Judéia, a Capadócia, o Ponto, a Ásia, a Frígia, a Panfília, o Egito e as províncias da Líbia próximas a Cirene; peregrinos romanos, judeus ou prosélitos, cretenses e árabes; ouvimo-los publicar em nossas línguas as maravilhas de Deus! Estavam, pois, todos atônitos e, sem saber o que pensar, perguntavam uns aos outros: Que significam estas coisas? Outros, porém, escarnecendo, diziam: Estão todos embriagados de vinho doce. Pedro então, pondo-se de pé em companhia dos Onze, com voz forte lhes disse: Homens da Judéia e vós todos que habitais em Jerusalém: seja-vos isto conhecido e prestai atenção às minhas palavras.” (At2, 1-14)

Confrontemos agora a mentira com a verdade:

  • ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a orar, a louvar, a cantar numa língua nova, a língua do Espírito

Em nem um momento eles cantaram ou  louvaram em uma língua nova, tampouco falaram em uma língua do Espírito, o que a Bíblia atesta é o seguinte: “Ficaram todos cheios do Espírito Santo e começaram a falar em línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem“. Qual seria a intenção da enciclopédia Canção Nova em deturpar este trecho tão sutilmente?

  • Eles louvam a Deus, estão cantando as glórias de Deus, e nós estamos entendendo com o coração

Entendendo com o coração!? Que absurdo! Eles estavam entendendo com a razão mesmo! Pois o Espírito concedeu aos Apóstolos que eles falassem em diversas línguas! Basta confrontar a Bíblia: “Achavam-se então em Jerusalém judeus piedosos de todas as nações que há debaixo do céu. Ouvindo aquele ruído, reuniu-se muita gente e maravilhava-se de que cada um os ouvia falar na sua própria língua. Profundamente impressionados, manifestavam a sua admiração: Não são, porventura, galileus todos estes que falam? Como então todos nós os ouvimos falar, cada um em nossa própria língua materna? Partos, medos, elamitas; os que habitam a Macedônia, a Judéia, a Capadócia, o Ponto, a Ásia, a Frígia, a Panfília, o Egito e as províncias da Líbia próximas a Cirene; peregrinos romanos, judeus ou prosélitos, cretenses e árabes; ouvimo-los publicar em nossas línguas as maravilhas de Deus!“.

Eles entendiam a sua língua materna, não uma “língua do Espírito”, ou tampouco uma “língua do coração”, mas “cada um os ouvia falar na sua própria língua“.

  • O primeiro dom criou confusão

Pelo contrário, o dom de falar em línguas manifestou a universalidade da Igreja, sendo que todos compreendiam o que cada Apóstolo pregava. O que causa confusão hoje são os “shoriacantalalá”e  “ierecantala-la-la” da RCC & CIA, que nem eles mesmos entendem o que dizem, nem quem está ao seu redor. Esse “dom” sim é que causa confusão, aliás é uma confusão com o verdadeiro dom de línguas.

Mas será que a Canção Nova não sabe disso? Qual a intenção de deturpar tão claramente a compreensão da Igreja sobre este dom? Por que afirmar que um dom tão maravilhoso como este causou confusão, quando os próprios que ouviram os Apóstolos afirmar que entendiam? O que pretende ensinar esta “enciclopédia”?

Vejamos o que diz alguns Santos da Igreja sobre este dom:

São Tomás de Aquino

Quanto ao dom de línguas, devemos saber que como na Igreja primitiva eram poucos os consagrados para pregar ao mundo a Fé em Cristo, a fim de que mais facilmente e a muitos se anunciasse a palavra de Deus, o Senhor lhes deu o dom de línguas(S. Tomas de Aquino, Comentario a la primera espistola a los Conrintios, Tomo II, pag 178.)

São Gregório Nazianzeno

Eles falaram com línguas estranhas, e não aquelas de sua terra nativa; e a maravilha era grande, uma língua falada por aqueles que não as aprenderam”. Gregório ainda argumenta que o dom foi de falarem línguas estrangeiras e não dos ouvintes as entenderem. Segundo ele, se fosse assim, o milagre não seria dos que falamem línguas, mas dos que ouvem”. (Do Pentecostes, oração XLI:16)

Orígenes

Orígenes (c.195-254) em sua época, se opôs a um certo Celso, que clamava ser divino, e falava línguas incompreensíveis: “A estas promessas, são acrescentadas palavras estranhas, fanáticas e completamente ininteligíveis, das quais nenhuma pessoa racional poderia encontrar o significado, porque elas são tão obscuras, que não têm um significado em seu todo.(Contra Celso, VII:9)

Fica claro então que a enciclopédia da Canção Nova tenta sutilmente, as vezes não tão sutilmente assim, modificar a Doutrina da Igreja, transformá-la, amaciá-la, ou como diria uma padre muito em voga nas TV’s  hoje: evoluí-la, ao seu bel prazer, para que as almas inocentes abocanhadas por ela caiam também nesta falácia de falar em línguas que ninguém entende, como eu um dia caí, mas graças a Deus e Nossa Senhora das Graças me livrei, e hoje a língua que desejo escultar é  o Latim da Santa Missa. Esta língua a Canção Nova parece boicotar.

Com quem ficar então? Com a enciclopédia da Canção Nova ou com Orígenes, São Tomás, São Gregório, etc.? Óh dúvida cruel!

Que Deus nos abençoe e Maria nos guarde!

Moisés Gomes de Lima

Icó-CE, 06 de setembro de 2009.

____________________________________

Os trechos citados sobre os Santos e Doutores da Igreja foram retirados do blog “Adversus Haereses“;

O trecho do Livro dos Atos dos Apóstolos foi retirado da Bíblia Católica Boa Nova, versão 1.30 (uma versão digital da Bíblia, que salvo engano, usa a tradução Ave Maria).

Página Principal da Enciclopédia CN aqui.

Anúncios

14 Respostas to “Enciclopédia Canção Nova x Bíblia: com quem ficar?”

  1. Vladimir Says:

    OLHA O QUE VOCES FAZEM E POR QUEM SÃO ORIENTADOS EU NÃO SEI,MAS O QUE A QUERIDA CANÇÃO NOVA FEZ EM MINHA VIDA EU SEI BEM.SE ELES TIVESSEM LONGE DA FÉ CATÓLICA O PAPA APROVARIA O RECONHECIMENTO PONTIFÍCIO?E AS TANTAS CURAS E MILAGRES OPERADOS POR AQUELES SERVOS DO DEUS VIVO QUE LÁ TRABALHAM?VOCÊS ESTÃO É COM INVEJA DE ELES ARRASTAREM MULTIDÕES PARA CRISTO,SE É PARA FALAR MAL DA CN NÃO PRECISO MAIS QUE ME MANDEM E-MAILS,FIQUEM COM SUA FÉ MEDIOCRE.
    PAZDE JESUS E AMOR DE MARIA.

  2. Moisés Says:

    Prezado Vladimir, a paz de Jesus e o amor de Maria!
    O Papa não aprova os erros da Canção Nova. Em nem um momento da história da Igreja há o registro de que orar em língua que nínguem entende seja lícito.
    As mesmas “curas e milagres” que você diz haver nesta entidade também pode ser visto aos montes nas seitas protestantes, fato que não justifica a prática contrária a Doutrina Católica.
    Não, não tenho inveja da Canção Nova, nem você tem como afirmar isto de minha pessoa, pois “o homem vê a face, mas o Senhor olha o coração” (I Sm16, 7).
    Mas, vamos lá, já que você ama tanto assim a Canção Nova, não me ataque, mas defenda-a. Mostre-me por favor, onde estou errado para que eu corrija o meu erro neste post.
    Que Deus nos abençoe e Maria nos guarde!
    Moisés Gomes de Lima
    08 de setembro de 2009, Cedro-CE

  3. Musicrald Says:

    Mas uma da Canção Nova… essa eu não conhecia… affff… de entristecer mesmo…
    Como sempre, os contrários ficam sem argumentação razoável.
    Paz e bem!!!

  4. Antônio Says:

    Caro Moisés, amei seu comentário. Conciso, objetivo, real, ierefutável e não ofensivo!…. A verdade por vezes mexe com os neurônios ou as fibras do coração, e a gente fica sem argumentos. Mas fazer o quê, se o que foi dito é evidentemente verdadeiro?! É só querer ver!

  5. Lucas Says:

    Amamos aquilo que conhecemos e nos empenhamos em conhecer o que amamos,
    “MAS O QUE A QUERIDA CANÇÃO NOVA FEZ EM MINHA VIDA EU SEI BEM”
    ? Egoísmo? Espero que ter seus olhos vendados a custo de curas e milagres para corpos perecíveis não seja seu objetivo pois todas as seitas apresentam o mesmo. Cristo antes aos doentes perdoava-lhes os pecados. É hora do verdadeiro católico estar atento: “Condenar a verdade à tolerância é condená-la ao suicídio. A afirmação se aniquila se duvida de si mesma, e ela duvida de si mesma se admite com indiferença que se ponha a seu lado a sua própria negação.” É por isso que fazemos isso, pois não fomos intolerantes com o erro a mais tempo e por isso correu-se o risco de se perder o que sempre foi certo. Uma pena mesmo não aparecerem aqui com argumentos para contrapor, irei busca-los nos seus foruns então. A verdade é luz que ilumina as trevas, e na Igreja Catolica Apostolica Romana não existe espaço para o: “Eu acho” e sim para a certeza um Deus, uma fé, uma Igreja.
    Parabéns Moisés.

  6. Rogério Says:

    Mais um maldito seguidor da Teologia da Libertação… Vão você e o Boff pro quinto dos infernos….

    • Moisés Gomes Says:

      O que lhe faz pensar que sou seguidor da Teologia da Libertação caro Rogério?
      Este é o seu argumento para defender a falsificação da enciclopédia protestante-carismática?

      Sobre a T.L. veja aqui o que penso dela.

  7. Paulo Cesar Says:

    Somente na canção nova aprendi a perceber apos anos pregando o evangelho a verdade da igreja e ainda la senti ao espirito santo me renovar , me mostrar o caminho da salvação, em tudo que podemos fazer em nossa vida sem o espirito santo nada vale,ainda se tudo fizermos sem o espirito santo é como um sino que retine e um sibalo que ressoa, em tiago capitulo 1 versiculo 5 diz “se alguem de vós tem falta de sabedoria pela a Deus que a todos é dado liberalmente e o não lançará em rosto e ser-lhe a dada, peça porem com a fé e nada duvidando, porque aquele que duvida eé semelhante a onda do mar que é lançada de uma para outra parte “, se alguem duvida deste carisma existente na canção nova , faça uma experiência sozinho e consigo mesmo , mas vá com a intenção desta experiência efetivamente, afinal , não podemos viver com duvidas e outra queremos a unidade e não a divisão na igreja , são varios os dons e não causemos no nosso meio esta discenção , JESUS nos da a Unidade para ser vivida , no entanto que sessem a discordia , não vem de Deus E SOMENTE do Diabo …Professo uma coisa EU JAMAIS NEGAREI A CANÇÃO NOVA, OBRIGADO CANÇÃO NOVA , MUITO OBRIGADO .
    Deus abençõe mesmo os que discordam da ação da canção nova , queremos fazer uma igreja cheia da unção do espirito santo e seus carismas aparerão.
    Paulo – Catequista Católico
    Diocese São Luiz de Caceres
    Cáceres – MT
    Olhar Católico
    Tenho pena dos seus catequizandos… Mas vamos lá:
    É a Canção Nova que não está em unidade caro Paulo. Como você pode ter lido no post em que comenta, ela, a Canção Nova, é que tenta deturpar o sentido das Escrituras e do ensino da Igreja. A Igreja Paulo JÁ É cheia da unção do Espírito Santo, isto desde a promessa de Nosso Senhor Jesus Cristo, e esta promessa permanece de pé e infalível, e portanto, a Igreja JÁ É cheia de carismas. Como você vem falar de união se está a pregar a desunião!? Por que em vez de professar crer na Santa Igreja Católica Apostólica Romana, como no Credo, professa em lugar dela a Canção Nova? Isto não é união, não é unidade. Ela, a Canção Nova, pode até estar em união verbalmente, disfarçadamente, mas as suas atitudes demonstram o contrário.

    • PAULO CESAR Says:

      Meu amigo …Deus lhe abençoe , sei que voce tem um bom coração e quer o bem de todos , eu conheci a verdadeira igreja que eu professava ser falsa , eu não era do grupo catolico , so conheci apos ter vivido a renovação carismatica catolica na canção nova, senti o espirito santo me tocar , não posso negar e isso fica aqui publicamente em NOME DE JESUS CRISTO meu testemunho , hoje me sinto renovado restaurado e fortalecido meu irmão querido , vamos fazer de nossa igreja uma igreja mais unida , mais fortalecida, mais amada, pois muitos pensam em derrubar a igreja mas ela não caira , sera firme , a menos que nos mesmos católicos venhamos a denigrir a imagem maculada da santa igreja com nossas atitudes profanas e não santas diante do testemunho de vida dos irmãos e irmãs que dizem seguir a cristo e sua lei , eu meu amigo fui um PAULO na vida , apesar de me chamar PAULO , mas eu era de outro grupo de Igreja , EU DESVIEI muitos em nome de uma fé que eu não tinha e achava que tinha e ainda eu falava que a igreja catolica não era verdadeira, HOJE SEI QUE ELA É A VERDADEIRA IGREJA INSTITUIDA POR JESUS O CRISTO e isso eu RECEBI NA UNÇÃO DO BASTISMO NO ESPIRITO SANTO na CANÇÃO NOVA, não posso negar isso , não quero aqui afronta-lo ou discorda-lo de suas opniões eu as respeito e voce é meu irmão e esta no caminho comigo e precisamos unir e mostrar nossa igreja FORTE E VIVA , mesmo com tantos erros que ela mesma cometeu diante dos homens e crueldade diante de Deus por sua incompreenção e fraquesa , mas o Senhor não deixa que ela caia , “as portas do inferno não prevalecerão conta ela” . AMEMOS A IGREJA , ela tem os carismas sim , mas digo te , faltava o fervor, porque JESUS nos enviou o ESPIRITO SANTO ate sua vinda e os que contemplam a face do espirito santo estão renovados para batalha contra as hostes do maligino ….
      LOUVADO SEJA NOSSO SENHOR JESUS CRISTO …
      E O ESPIRITO SANTO QUE NOS UNE E O PAI ETERNO QUE NOS DA A VIDA …
      ABRAÇOS NOBRE IRMÃO QUE JESUS VOS GUARDE SEMPRE….
      ESTUDEMOS NO ESPIRITO SANTO A SANTA PALAVRA DE DEUS E TENHAMOS NELA A VIDA ETERNA , DESDE AGORA E PARA SEMPRE
      AMÉM ….

      §|Olhar Católico|§
      Prezado Paulo César, a paz de Jesus e o amor de Maria.
      Não diga que tenho bom coração, pois só Deus vê nosso coração. Talvez você tenha querido afirmar que tenho boa intenção.
      É triste lhe informar Paulo, mas você ainda é um protestante, ainda. Digo isto não para lhe difamar, mas para lhe esclarecer que as idéias e doutrinas pregadas na Canção Nova, com raríssimas exceções, são essencialmente protestantes, e pudemos notar isto em afirmações suas em comentários anteriores e que continuam presentes nestes comentários.
      A Igreja Católica é Uma, Santa, independentemente de você, Fulano ou Sicrano “lutar” por isso ou não. Esta pretensão de querer fazer uma Igreja mais “unida” e mais “santa” é doutrina pentecostal pueril pregada desde a década de 60 que afirma que a Igreja “esfriou”. O que nos une Paulo é a Fé. Estou mais unido a um cristão mártir no Paquistão do que A “coroinha” que quer ser “padre” que mora ao meu lado.
      Note Paulo que a Igreja Católica tem apenas sete Sacramentos, e que o Concílio de Trento anatemizou infalivelmente quem dissesse o contrário, e você vem aqui me falar que recebeu um tal “batismo no espírito” que faz as vezes do Sacramento do Batismo e mais ainda do Sacramento do Crisma dentro da realidade “carismática” e logicamente da Canção Nova.
      Olha Paulo, é um ótimo começo você reconhecer que a Igreja Católica é a Única e Verdadeira Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, fora da qual não há salvação, e me surpreenderia se isso fosse ensinado na Canção Nova, e caso positivo, creio que estaria dentro daquelas raríssimas exceções que citei acima (como o Padre Paulo Ricardo, p.e.), mas lhe aconselho a deixar a Canção Nova de lado. A cada comentário seu há uma inconsistência com a Doutrina Católica, e digo-lhe, não é na Canção Nova que você corrigirá estas inconsistências. Neste post listo alguns dos erros da Canção Nova e na tag RCC você encontrará outros.
      A paz de Jesus e o amor de Maria!

  8. Resposta a um comentário sobre oração em linguas « §|Olhar Católico|§ Says:

    […] a leitura destes post’s: De: Bento XVI Para: os que oram em línguas ININTELIGÍVEIS Enciclopédia Canção Nova x Bíblia: com quem ficar? De: Papa S. Gregório/Para: RCC Os Pais da Igreja também ensinam Para a RCC: Falar em línguas […]

  9. Indiara Says:

    Moisés, muito cuidado com as palavras. Blasfemar contra o Espírito Santo é um pecado tremendo! Se não acredita em batismo no Espírito e no dom de línguas, não está fazendo seu papel de cristão (ler a Bíblia). Leia Mateus 3, versículo 11 e I Coríntios, 14, versículo 2. Vamos tomar muito cuidado, meu irmão, antes de sair por aí falando abobrinhas. Ao que me parece, o único protestante que existe nessa página é você próprio. É típico dos protestante contestarem tudo, até o que a própria palavra nos diz. Não seja um herege como Lutero, que começou assim como você, semeando opiniões sem nenhum fundamento católico e muito menos bíblico. Que o próprio Deus te mostre o caminho, para que não tenhas mais dúvidas. Paz e bem!

    • Moisés Gomes Says:

      Cite-me Indiara o “fundamento católico” para a oração em língua que nem Deus e nem o diabo entendem que a Canção Nova falseia em sua “enciclopédia”. Por ora fico com Santo Tomás de Aquino:
      “Também é falar em língua o falar de visões somente, sem
      explicá-las. […] Mas o que só a Deus é falado, compreende-se que o
      próprio Deus fala. Pelo qual disse: Mas o Espírito de Deus fala
      mistérios, isto é, coisas ocultas (1Cor 14,2). Porque não sereis vós
      que falareis, senão o Espírito de vosso Pai é que falará em vós. (Mt
      10,20).” (AQUINO, Santo Tomás de. COMENTÁRIO DE SANTO TOMÁS DE AQUINO À 1A. CARTA
      DE SÃO PAULO AOS CORÍNTIOS. http://www.veritatis.com.br/article/4974)

      E você?

      • claudemar rodrigues Says:

        Porque brigar com a própria religião, cada um tem seus carismas, por acaso vcs tem o texto original em mãos? Ou realmente estão com inveja ou são verdadeiros santos, mas se fossem santos iam até a CN e tentavam ajudar a eles, mas vcs querem mesmo é confusão, pois não é assim que resolvem problemas entre irmãos, ou vc não entenderam nada sobre caridade.

      • Moisés Gomes Says:

        Seria caridoso deixar que irmãos na fé caíssem em erros que deturpam a Doutrina Católica, ou seria caridoso denunciar as falsas doutrinas para que muitos não pequem contra a Fé?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

FSSPX - Portugal

Tudo por amor a Jesus Cristo, Nosso Senhor.

Movimento Magistrados para a Justiça

"Uma visão conservadora de temas relacionados ao Direito"

O Legado d'O Andarilho

opiniões, considerações políticas e religiosas.

Roberta Acopiara's Blog

Just another WordPress.com weblog

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

pregarevangelho

Só mais um site WordPress.com

:.:Paródias da Professora Décia:.:

Paródias de uma professora cedrense!

Fratres in Unum.com

Ecce quam bonum et quam jucundum habitare fratres in unum.

Compartilhar é preciso.

Sinta-se livre para conhecer, aprender e compartilhar

§|Olhar Católico|§

Um Olhar Católico sobre o mundo!

Pacientes na tribulação

Apologética católica

Grupo S. Domingos de Gusmão

Fiéis Católicos de Maringá

Missa Tridentina em Brasília

Santa Missa no Rito Romano Tradicional

Vida, dom de Deus

Gratiam tuam, quaesumus, Domine, mentibus nostri infunde; ut qui, angelo nuntiante, Christi Filii tui encarnationem cognovimus, per Passionem eius et Crucem, ad Resurrectionis gloriam perducamur. Per eumdem Christum Dominum nostrum. Amen.

%d blogueiros gostam disto: