Cadê os confissionários?


Confessionários – uma treliça, pelamordideus!

Por A Catequista

Confessar os pecados é uma prova de amor a Cristo. Só o amor (ok, e talvez
uma pitada de medinho do Inferno) faz com que alguém exponha as suas piores
debilidades a outra pessoa, muitas vezes a um estranho. Se o pecador tem um
mínimo de vergonha na cara, confessar-se já é em si uma penitência.

confessionario_homer_simpsonQuando atrelou o perdão dos pecados à confissão
dos mesmos aos seus Apóstolos (Jo 20:23), Jesus determinou que um gesto
concreto de arrependimento deveria ser realizado. Pedir perdão ao Deus
“escondido” e impessoal é muito fácil; mas declarar as faltas a outra pessoa
é agulhada na nossa prepotência.

Eu confesso: tenho vergonha de me confessar. Já deixei de pecar muitas
vezes, só pra não ter que me confessar depois! Não estou bem certa, mas algo
me diz que eu não sou a única pecadora acanhada da paróquia. Quanto a isso,
já ouvi algo do tipo: “Ah, mas na hora de pecar não teve vergonha de Deus,
que estava vendo!”. Tudo bem, Ele sempre me vê, mas o oposto não ocorre;
lamentavelmente, nem sempre eu me dou conta da Sua doce Presença.

Ainda bem que tenho óleo de peroba aqui em casa: passo na minha cara-de-pau
e saio pra me confessar, sempre que necessário. Mas imagino que a vergonha
possa frear a intenção de muitas pessoas em buscar o perdão de Deus,
desestimulando a sua ida ao confessionário. Estas pessoas estão erradas?
Sim, é claro. Por outro lado, o ambiente em que a maioria dos confessores se
propõe a confessar não é convidativo.

Atualmente, quase todas as paróquias dispõem de “salas de atendimento dos
sacerdotes” ou algo do tipo. Você tem que ficar cara a cara com o padre, e
não conta mais com aquela tão conveniente treliça, que vela o rosto dos
penitentes nos confessionários tradicionais. Complacente com os vexados de
plantão, o nosso inesquecível João Paulo II apresentou em 2002 o Motu
Proprio Misericordia Dei (clique aqui
<http://www.vatican.va/holy_father/john_paul_ii/motu_proprio/documents/hf_jp
-ii_motu-proprio_20020502_misericordia-dei_po.html> para ler), em que
determina que as sedes para as confissões devem estar munidas de uma “grade
fixa”. Ora, se o próprio Papa mandou, porque muitos bispos e párocos fazem
ouvido de mercador?

Nesse mesmo documento, o Papa condena “a tendência ao abandono da confissão
pessoal”, devido ao recurso abusivo à “absolvição geral” ou “comunitária”,
que só deveria ser aplicada em casos extremos. Taí um puxão de orelha nos
padres que não se dedicam a atender os fiéis em confissão, e perdoam os
pecados coletivamente (sem justificativa grave), dispensando a acusação
individual das faltas.disfarce

Quanto ao confessionário de treliça, se o grande JP II foi solenemente
ignorado pelo clero em geral, quem sou eu para ter a ilusão de que meus
anseios serão atendidos? Póbi di mim. Mas, pensando bem, não é nada que não
possa ser contornado com o nosso jeitinho brasileiro… Para resguardar o
anonimato durante as confissões, os homens poderão usar bigodes postiços; já
as mulheres poderão usar leque no verão e burca no inverno!

Nãaaaao, acho que não…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

FSSPX - Portugal

Tudo por amor a Jesus Cristo, Nosso Senhor.

Movimento Magistrados para a Justiça

"Uma visão conservadora de temas relacionados ao Direito"

O Legado d'O Andarilho

opiniões, considerações políticas e religiosas.

Roberta Acopiara's Blog

Just another WordPress.com weblog

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

Blog do Curso Técnico em Informática do IFCE - Campus Iguatu

pregarevangelho

Só mais um site WordPress.com

:.:Paródias da Professora Décia:.:

Paródias de uma professora cedrense!

Fratres in Unum.com

Ecce quam bonum et quam jucundum habitare fratres in unum.

Compartilhar é preciso.

Sinta-se livre para conhecer, aprender e compartilhar

§|Olhar Católico|§

Um Olhar Católico sobre o mundo!

Pacientes na tribulação

Apologética católica

Grupo S. Domingos de Gusmão

Fiéis Católicos de Maringá

Missa Tridentina em Brasília

Santa Missa no Rito Romano Tradicional

Vida, dom de Deus

Gratiam tuam, quaesumus, Domine, mentibus nostri infunde; ut qui, angelo nuntiante, Christi Filii tui encarnationem cognovimus, per Passionem eius et Crucem, ad Resurrectionis gloriam perducamur. Per eumdem Christum Dominum nostrum. Amen.

%d blogueiros gostam disto: